Acre tem início de ano violento com 11 assassinatos em uma semana

Publicado em 07 de janeiro de 2018 às 15h:07

Por Mário Célio

Jovem foi morto dentro de casa/Foto: cedida

Josué de Almeida Pontes, 20 anos, essa é a identificação de mais um jovem executado com vários disparos de arma de fogo em Rio Branco. A vítima foi morta na madrugada deste domingo (7), dentro da casa em que morava na Travessa Cerâmica, localizada no bairro Alto Alegre. Ele foi atingido com pelo menos 6 tiros e dois homens foram vistos saindo correndo do local e entrando em um carro de cor prata.

A morte de Josué é apenas mais uma que passa a constar nas estatísticas da violência no Acre. Chegamos ao 7° dia do ano de 2018 e um total de 11 pessoas já foram assassinadas em todo o estado. Grande parte dos crimes ocorreram na capital, onde 9 execuções foram registradas, e as outras duas mortes ocorreram na cidade de Cruzeiro do Sul, no Vale do Juruá.

Vítima caiu e morreu ao lado da bicicleta em que vendia seus salgados/Foto: Equipe Folha do Acre

Um dos casos que mais chocou a população durante a semana aconteceu na quarta-feira (3), onde o vendedor de salgados Francisco Soares, 42 anos, foi morto com dois tiros ao se recusar a entregar o dinheiro apurado a um assaltante no Ramal Menino Jesus, na região do bairro Taquari. O salgadeiro morava há um mês no bairro e retornava para casa após um dia inteiro de trabalho.

A Polícia Civil segue investigando os crimes, mas até agora em nenhum dos casos os autores foram presos. Na capital, a Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) é responsável por apurar a motivação para cada assassinato, identificar e prender os acusados.

COMPARTILHAR