Denise Bonfim é empossada presidente do Tribunal de Justiça

Publicado em 04 de fevereiro de 2017 às 10h:05

Por Mário Célio

Uma magistrada dura, porém extremamente justa. Resume-se dessa forma o perfil da desembargadora Denise Bonfim, que, na noite dessa sexta-feira, 3, foi empossada no cargo de presidente do Tribunal de Justiça do Acre (TJAC), para o biênio 2017/2019. Em sessão solene bastante concorrida, Denise Bonfim, já como chefe do Poder Judiciário Estadual, empossou os desembargadores Francisco Djalma e Wadirene Cordeiro, nos cargos de vice-presidente do TJAC e corregedora geral da Justiça, respectivamente.

Magistrada de carreira, a nova desembargadora-presidente do TJAC iniciou sua trajetória no Poder Judiciário do Estado do Acre em 9 de dezembro de 1993, quando foi empossada no cargo de juíza de Direito substituta na 2ª Vara Criminal da Comarca de Rio Branco.  De lá pra cá, Denise Bonfim tem se destacado por suas decisões independentes e corajosas, pautadas sempre na imparcialidade, na busca incessante da pacificação do conflito, de forma justa.

Dentre as dezenas de milhares de decisões prolatadas, é impossível não lembrar que foram prolatadas pela juíza Denise Bonfim as primeiras condenações de integrantes de grupos de extermínios que atuavam no Estado, no final da década dos anos 90.  Recentemente, com a mesma isenção e destemor, essa magistrada, que ora assume o mais alto degrau do Poder Judiciário acreano, conduziu, na qualidade de relatora, o processo conhecido como G-7, enquanto tramitava na Justiça estadual.

 

 

COMPARTILHAR