EM FEIJÓ: Vigia travou luta corporal com bandido e impediu que o posto de gasolina fosse assaltado

Publicado em 09 de setembro de 2017 às 16h:42

Por Mário Célio

O vigilante do posto de gasolina, “pontão beira rio”, foi atacado na noite do dia 29 de agosto, por dois bandidos, que supostamente seriam indígenas de uma aldeia próximo de Feijó.

De acordo com os relatos do vigia, Francisco Osório, eram por volta de 23:30hs, quando percebeu que havia alguém se aproximando do local, onde ficam armazenados vários litros de combustíveis e produtos do gênero alimentício.Como o local estava meio escuro, o senhor Francisco, resolveu abrir a porta para acender a luz que fica pela parte de traz do pontão. Foi então que um indivíduo se aproximou e tentou estrangular o vigia.

Os dois travaram luta corporal, mais o bandido ao perceber que estava perdendo para Francisco, resolveu abandonar o combate, fugindo do local em uma pequena embarcação na companhia de outro comparsa que deixou escapulir uma arma branca em cima do pontão.

O caso está sendo investigado pela polícia civil do município e provavelmente os autores serão presos por tentativa de homicídio e assalto a mão armada.

COMPARTILHAR