Empresário tenta suicídio ao descobrir número da mulher e da filha na lista de “contatinhos”

Publicado em 06 de maio de 2017 às 16h:48

Por Mário Célio

Um empresário 72 anos, que não teve o seu nome revelado, proprietário de um estabelecimento comercial no Segundo Distrito de Rio Branco, tentou suicídio na tarde desta sexta-feira, 05, ao descobrir que os números de telefone de sua esposa de 38 anos e da filha, de 18 anos, constava na lista de supostas garotas de programa, divulgada na última quinta-feira, 04.

Segundo o que foi apurado pela polícia, a descoberta se deu por acaso. Ele teria recebido a lista de garotas de programa via WhatsApp no dia anterior. Um amigo próximo contou que o empresário teria ficado eufórico com a lista e começou a procurar alguma que pudesse “lhe servir” na tarde deste sábado. Foi então que, em meio aos 64 nomes e números da lista, estava o da esposa e da filha.

“Ele ficou sem acreditar quando viu os nomes. Então, me pediu para ligar para os números para confirmar se tratava-se de algo real ou de uma brincadeira”, contou o amigo do empresário que pediu que seu nome fosse resguardado. “Eu liguei para uma e para a outra me passando por cliente e elas confirmaram que faziam programa. Me disseram que faziam ‘amorzinho gostoso’. A mãe falou que cobrava R$ 300 no programa. Já a filha, disse que era R$ 500”, explicou.

O homem cortou os pulsos, mas foi socorrido a tempo pelo Samu. De acordo com os paramédicos, os cortes foram superficiais já que o empresário teria preferido usar uma faca cega, não resultando em risco para a sua vida.

Por Patrick Mendel
Compartilhar

Comente essa matéria