Facções criminosa prometem executar mais alunos nas escolas

Publicado em 30 de maio de 2017 às 14h:25

Por Mário Célio

O deputado Gerlen Diniz (PP) denunciou na manhã desta terça-feira (30), na Aleac, que as facções criminosas de Sena Madureira prometem executar mais alunos dentro de sala de aula no município. Ele afirma que foi procurado por professores da Escola Leonice Fernandes de Almeida Bregence, que estão apavorados.

“Há alunos ameaçados. Facções prometeram executar alunos dentro de salas de aula. São crianças que estão no início de suas vidas. Meu papel é fiscalizar e cobrar, eu não tenho o poder de executar. Sugiro mais fiscalização, contratação de policiais, compra de equipamentos, que tratem a segurança como prioridade”, diz Gerlen Diniz.

Segundo o oposicionista, “a segurança não é prioridade no governo do Acre. Prioridade é construir museu de R$ 32 milhões. Se o governo faz tantas pesquisas porque não pergunta à população quais suas prioridades. Deve haver cabeças pensantes que digam: governador, a coisa não está funcionando”, enfatiza Diniz.

COMPARTILHAR