Novo cadastro beneficiará pescadores do Acre em até 4 parcelas de uma só vez

Publicado em 28 de novembro de 2016 às 21h:58

Por Mário Célio

Até 8 mil pescadores do Acre que estavam com carteiras pendentes neste ano poderão receber o retroativo do seguro-desemprego do pescador artesanal após março de 2017. A informação foi repassada pelo Sindicato dos Pescadores do Estado do Acre.

Na oportunidade foi confirmado que, nesta atual temporada do seguro-defeso, até 10 mil pescadores estão com o pagamento do benefício garantido. O pagamento, que começará a ser feito em dezembro, vai injetar quase R$ 8,5 milhões na economia local.seguro-defeso-ione-moreno-720x480

Cadastro

De acordo com o presidente do sindicato, neste ano, 8 mil pescadores perderam o período de recadastramento e outros 3 mil tiveram a carteira cancelada definitivamente por irregularidades. Porém, depois de ir a Brasília, na última semana, o grupo de líderes sindicais representativos da categoria conseguiu negociar com o Ministério da Agricultura Pecuário e Abastecimento (Mapa) que seja feito um novo recadastro geral dos pescadores de todo o Brasil começando do zero. Serão canceladas todas as carteiras para fazer um novo recadastramento geral.

A medida vai beneficiar esses 8 mil pescadores que estavam com a carteira suspensa e não poderão receber dentro do período normal do defeso – de 15 de dezembro à 15 de março de 2017.

Depois de se recadastrarem, esses trabalhadores irão receber já a partir de março as quatro parcelas de uma vez.  No total, o Acre conta 15 mil pescadores cadastrados, mas destes apenas 5 mil devem receber o benefício dentro do prazo normal.

O seguro-defeso iniciou a recepção das solicitações ainda no mês de outubro com a ajuda das associações, colônias e representações.

COMPARTILHAR