Carta fora do baralho e o jogo na política de Feijó

Carta fora do Baralho

Nem mesmo o áudio divulgado recentemente pelo governador Gladson Cameli está sendo usado como parâmetro na cidade de Feijó. “Membros e militância de partidos, que foram as ruas defender os principais nomes do bloco da antiga oposição pode se tornar carta fora do baralho, ou virar comediantes em peças teatrais.

Pente-Fino I

Com a operação pente-fino, o Palácio Rio Branco espera evitar que pessoas com problemas atuais com a Justiça, ou que tenham sofrido algum tipo de condenação por crimes de improbidade administrativa, sejam nomeadas. Porém, o que mais incomoda o governador é a presença de pessoas com a ficha-cuja ocupando cargos de direção

Pente-Fino II

Outra ordem dada pelo governador é que a vida partidária pregressa dos indicados também passe pelo escrutínio da Casa Civil. Com isso, o progressista quer diminuir os reclames de petização em seu governo; ou seja, de pessoas que ocuparam cargos importantes nas gestões passadas do PT – sendo filiadas a algum dos partidos da Frente Popular – e que sobreviveram na nova administração estadual

Difusora de Feijó  

Um setor político importante do governo, que precisa de pessoas qualificadas, com experiência profissional. A recente mudança na direção em nada adiantou, só piorou. Substituir o Zé pelo Mané é querer criar no campo da imaginação, uma Metamorfose ambulante

Barbeiragem na difusora de Feijó

Virou chacota nos bastidores da política. Tudo por conta da barbeiragem na programação de jornalismo. Evolver o nome do governador em tricas e futricas é coisa de amador. Os órgãos de comunicação do governo foram criados para divulgação de suas atribuições. E não para ridicularizar a imagem do governo. 

Xeque-mate no Hospital de Feijó

Encurralaram o novo gestor do Hospital de Feijó. O Xeque-mate foi comunicado pelo governador, no dia de sua posse. Gladson Cameli deixa claro que não aceita nomeações de petistas em seu governo. No xadrez, quando acontece apenas o “xeque”, o rei está ameaçado, mas ainda pode escapar. No entanto, quando ocorre o xeque-mate, o rei está encurralado e por isso o jogo chegou ao fim.