EM FEIJÓ: Briga entre cunhados por causa de R$ 2,00 termina em morte.

Uma briga envolvendo dois cunhados em uma conveniência, localizada na rua barão do Rio Branco resultou na morte de Manoel Ricardo da Silva Muniz, 30 anos, cunhado do autor do homicídio.

Segundo boletim de ocorrência da polícia militar, o crime ocorreu por volta das 22:00 horas deste sábado, 25, próximo à praça do barão.

Testemunhas informaram à polícia que o autor do homicídio, Messias Ferreira Abreu bebia na companhia de um homem conhecido por Adam. Quando em determinado momento apareceu o cunhado Manoel Ricardo e continuaram a beber juntos.

As testemunhas contaram ainda, que após a primeira rodada de bebidas, o cunhado agressor exigiu que vítima contribuísse com R$ 2,00 para compra de outra garrafa de cachaça. Porém Manoel Muniz atendeu de imediato a exigência do cunhado, mais depois se arrependeu e pegou o dinheiro de volta, sendo o suficiente para o início de uma discussão acirrada com troca de farpas, onde o autor do crime teria chamado a vítima de babaca e zé ruela e tentado lhe agredir com uma garrafa de caça.

Diante da situação, Messias foi a sua casa se apossou de uma faca tipo peixeira e desferiu uma furada abaixo da axila esquerda e um corte no braço da vítima.

Quando a polícia foi acionada via 190, Manoel Muniz já teria sido encaminhado ao Hospital Geral de Feijó, mais já estava sem vida.

Com a ocorrência registrada, os policiais militares foram ao encalço e conseguiram localizar o criminoso no final da rua projetada, sendo preso em flagrante e caminhado ileso a delegacia de polícia de Feijó.