EM FEIJÓ: Paciente com leptospirose sofre com a falta de medicamentos na rede pública

Paciente diagnosticado com leptospirose (doença de rato) denuncia a falta de medicamentos nas farmácias da rede pública de Feijó. Entre os remédios em falta está o antibiótico estreptomicina para tratamento de leptospirose, segundo prescrição emitido pelo médico, Dr. Advaldo Machado da ClIMED.

“Casos de contaminações por leptospirose, igual ou semelhante a situação do senhor Raimundo Pereira do Nascimento, são raros em Feijó, mais quando diagnosticados necessitam de cuidados especiais e medicação adequada para evitar que a bactéria do gênero Leptospira, se torne agressiva e incontrolável, o que pode levar morte.

Indignado com o descaso da saúde pública do estado, senhor Raimundo Pereira, que mora em uma área rural da cidade (ramal do Pintos), Fez questão de opinar, a respeito da situação

“Acho que eles deveriam pensar mais e serem mais humanos. Ter a consciência que eles estão acabando com a possibilidade que a gente tem de viver. Não só a minha, como a de muita gente que está sem tomar o medicamento. Praticamente estão assassinando as pessoas”, afirma o senhor Raimundo Pereira.