Gladson Cameli anuncia equipe de transição e se reúne essa semana com Tião Viana

O governador eleito Gladson Cameli e seu vice Major Rocha anunciaram hoje a composição da equipe técnica de transição entre o atual governo e a nova gestão a partir do dia 1º de janeiro de 2019. O governador eleito viajou a Brasília para atender compromissos no Senado Federal e deverá retornar na quarta-feira a Rio Branco. Possivelmente na quinta-feira terá reunião com o governador Tião Viana para o início da transição.

Governador eleito Gladson Cameli e seu vice, Major Rocha

O advogado José Ribamar Trindade de Oliveira coordenará a equipe, composta ainda pela engenheira civil Maria Alice Araújo, o economista e professor da Universidade Federal do Acre (Ufac), Carlito Cavalcante, o administrador Anderson Abreu de Lima e o mestre em desenvolvimento regional, sargento Joelson Dias, que iniciaram na semana passada as reuniões para definir as pautas prioritárias da primeira fase dos trabalhos de transição.

Além dos nomes técnicos já definidos por Gladson Cameli e Major Rocha, já foi realizada uma reunião com representantes dos 11 partidos que formaram a coligação para que cada um indicasse um nome na equipe de transição.

A equipe de transição vai buscar informações técnicas em cada setor do governo, procurando objetividade, operacionalidade e um ambiente cordial entre os profissionais envolvidos no processo.  “No dia seguinte ao resultado das eleições, conversei por telefone com o governador Tião Viana e esta semana aguardo a confirmação de uma reunião para, pessoalmente, iniciarmos a transição governamental oficialmente”, disse Gladson Cameli.

Ele agradeceu ao atual governador, destacando sua cordialidade e diplomacia para acelerar o início da transição tendo em vista a necessidade de manter o estado com o pleno funcionamento de seus serviços, independente das mudanças administrativas do Poder Executivo.