Os três senadores acreanos mantiveram Renan no cargo, contra liminar do STF

A decisão da mesa diretora do senado, de manter o senador Renan Calheiros em seu cargo, até a decisão final da análise da liminar do ministro Marco Aurélio pelo colegiado do STF leva a assinatura dos três senadores acreanos, todos integrantes da mesa.os-tres-senadores-do-acreA direção é composta por 11 senadores, dos quais nove assinaram a carta de recusa da saída de Renan. São os seguintes os senadores que assinaram o documento para descumprir a decisão monocrática do ministro e manter o presidente da casa no Cargo:

Presidente do Senado, Renan Calheiros

1º vice-presidente, Jorge Viana (PT-AC)

2º vice-presidente, Romero Jucá (PMDB-RR)

1º secretário Vicentinho Alves (PR-TO)

2º secretário, Zezé Perrella (PTB-MG)

3º secretário, Gladson Cameli (PP-AC)

1º suplente, Sérgio Petecão (PSD-AC)

2º suplente, João Alberto Souza (PMDB-MA)

A senadora Ângela Portela (PT-RR) também é integrante da Mesa Diretora, mas sua assinatura não consta da carta. Ela é 4ª secretária. A assinatura de Elmano Férrer (PTB-PI), 3º suplente, também não aparece no documento.