Sem anestesiologista no Hospital de Feijó, pacientes do TFD esperam por cirurgia há mais de dois meses

Cerca de 15 procedimentos cirúrgicos que seriam realizados nos dias, 29 e 30 de maio, no Hospital de Feijó, foram adiados devido à falta de anestesistas. As cirurgias eletivas, ou sej, aquelas que são agendadas pela equipe médica com o paciente foram canceladas. Entre elas, estavam, cirurgias de hérnias e de vesícula.

De acordo com as informações colhidas por nossa reportagem, o Cirurgião Dr. Marlon e o Anestesista, Dr. Delcio, foram contratados pela secretaria de Saúde para suprir as eventuais urgências do TFD na cidade de Feijó, mas até o momento não compareceram, e nem tão pouco a direção da unidade Hospitalar tenha justificado aos pacientes, os motivos do cancelamento.

Segundo ainda, os relatos de um profissional de saúde, que não quis se identificar, ele questiona, que, as pessoas humildes estão pagando o pato, por conta da situação caótica, vivenciada na saúde do estado do acre.  “Essa é a segunda vez que os pacientes são lesados pelo o Governo do Estado e ninguém toma nem uma providência. Sem contar ainda, os gastos com as idas e vindas dos seringais e despesas com exames realizados em laboratoriais particular.” Declarou o profissional em tom de revolta.