Variante mais letal de COVID já chegou a Cruzeiro do Sul

Segundo a médica especialista seria essa variante do vírus que está levando pessoas jovens sem comorbidades direto para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI). “Na minha opinião, essa variante está causando todo esse aumento de gravidade dos casos, por isso a população precisa se cuidar e usar máscaras”, explica ela, lembrando que o Hospital do Juruá está com problema de falta de médicos e com baixa produção de oxigênio.

A nova variante pode também já estar presente em Rio Branco e com certeza está em Rondônia, que também registra aumento alarmante de infectados.

Até o dia 20, Cruzeiro do Sul registrou a confirmação de 661 novos casos de Covid-19 no município. Paralelo ao decreto de toque de recolher do governo do estado, que a partir de hoje facha bares, restaurantes e não permite aglomerações em espaços públicos, no período entre 22h e 6h, a prefeitura de Cruzeiro do Sul vai adotar medidas próprias.

Uma reunião hoje entre o prefeito Zequinha Lima, o secretário de Saúde, Agnaldo Lima, o presidente da de Associação Comercial Luiz Cunha, o promotor Ocimar Júnior, de forma virtual, e representantes das forças de segurança e médicos debateu novas ações.

A prefeitura vai montar quatro barreiras sanitárias na cidade, com orientações e distribuição de máscaras e também a desinfeção de prédios públicos.

Zequinha Lima descartou a necessidade de decretar lockdown neste momento, mas afirmou que a cidade está em alerta máximo, devido ao aumento de ocupação dos leitos no Hospital de Campanha.