Navio de Assistência Hospitalar “Doutor Montenegro” inicia a operação “Acre 2017”

Publicado em 16 de janeiro de 2017 às 15h:37

Por Mário Célio

O Navio de Assistência Hospitalar (NAsH) “Doutor Montenegro”, da Marinha do Brasil, partiu de Manaus na segunda-feira, 9 de janeiro, iniciando a operação “Acre 2017”. Até dia 28 de abril, a equipe de saúde do navio atenderá comunidades ribeirinhas dos Estados do Acre e Amazonas.

Serão realizadas consultas médicas e odontológicas; exames clínicos e laboratoriais; cirurgias de pequeno porte; pré-natal; puericultura; palestras; distribuição de medicamentos; e atenção farmacêutica.

Durante o suspender do navio, o Comandante do 9º Distrito Naval, Vice-Almirante Luís Antônio Rodrigues Hecht, destacou a importância da operação. “A chegada de um navio da Marinha nas comunidades ribeirinhas sempre é comemorada com festa, porque o navio leva esperança, leva saúde e cidadania. Este ano, a expectativa é que 25 mil pessoas sejam atendidas nos Estados do Acre e do Amazonas, nas regiões do Alto e Médio Juruá”, afirmou.

Para prestar este apoio à população o navio é dotado de dois ambulatórios odontológicos com quatro cadeiras; dois consultórios médicos, um laboratório para exames; sala de trauma; sala de raio-X; sala de mamografia; uma enfermaria; uma sala de vacinas; e uma farmácia, onde será realizada a entrega de medicamentos às comunidades carentes; além de quatro lanchas orgânicas empregadas para atendimentos em locais de difícil acesso.

Como diferencial, o NAsH “Doutor Montenegro” possui um equipamento de raio-X com conversor de imagem digital, mamógrafo, e comunicações por satélite.

A equipe de saúde do navio é composta por 24 militares, sendo: cinco médicos; cinco cirurgiões-dentistas; dois farmacêuticos bioquímicos; dois enfermeiros de nível superior; e 10 Praças, sendo oito técnicos em enfermagem e dois técnicos em radiologia médica.  A previsão de atendimentos para esse ano é de 25 mil pessoas.

Compartilhar

Comente essa matéria