Por parábola, o Vereador Mundoca, compara petistas de Feijó com salteadores.

Publicado em 04 de fevereiro de 2017 às 09h:18

Por Mário Célio

Em sessão de abertura dos trabalhos do Poder Legislativo municipal de Feijó, o vereador Raimundo Albuquerque (Mundoca) do PMDB, citou uma parábola bíblica para comparar administração do Ex-Prefeito Mêrla do PT, com os salteadores do caminho de sangue que ligava Jericó e Jerusalém. Por lá quem passava corriam sérios riscos de serem assaltados e humilhados.O texto bíblico utilizado pelo o vereador ilustra as condições vividas pelos os moradores de Feijó, durante os quatro anos da gestão petista. O parlamentar cita por meios da parábola o sofrimento dos munícipes Feijoenses, que eram chicoteados, humilhados na administração dirigida pelo o partido dos trabalhadores.

Na visão do vereador Mundoca, os meios que eram utilizados pelo os que conduziam os destinos de Feijó, tinham semelhança com os sacerdotes e levitam descritos por Jesus, na parábola do Bom Samaritano. O vereador ressalta que os bons administradores, são os que cuidam da população e não de meia dúzia de pessoas.

 

 

Compartilhar

Comente essa matéria